Letras / letra N / Nara Leão

  1. 1. 14 Anos - Tinha eu 14 anos de idade quando meu pai me chamou Perguntou-me se eu queria estudar filosofia Medicina ou engenharia Tinha eu que ser doutor Mas a minha aspiração era ter um violão Para me
  2. 2. A Banda - Estava à toa na vida, o meu amor me chamou Pra ver a banda passar cantando coisas de amor A minha gente sofrida despediu-se da dor Pra ver a banda passar cantando coisas de amor O homem sério
  3. 3. A Banda - Estava à toa na vida, o meu amor me chamou Pra ver a banda passar cantando coisas de amor A minha gente sofrida despediu-se da dor Pra ver a banda passar cantando coisas de amor O homem sério
  4. 4. a Banda - Estava à toa na vida, o meu amor me chamou Pra ver a banda passar cantando coisas de amor A minha gente sofrida despediu-se da dor Pra ver a banda passar cantando coisas de amor O homem sério
  5. 5. a Banda - Estava à toa na vida, o meu amor me chamou Pra ver a banda passar cantando coisas de amor A minha gente sofrida despediu-se da dor Pra ver a banda passar cantando coisas de amor O homem sério
  6. 6. A Cigana - Na distância vi seu vulto desaparecer Nunca mais seu rosto eu pude ver Na distância vi seu vulto desaparecer Nunca mais seu rosto eu pude ver Uma vez você apareceu na minha vida Eu não percebi v
  7. 7. a Felicidade - Tristeza não tem fim Felicidade sim A felicidade é como a gota De orvalho numa pétala de flor Brilha tranquila Depois de leve oscila E cai como uma lágrima de amor A felicidade d
  8. 8. a Praça - Peço licença, peço em nome de quem passa Onde a rua fez-se em praça Tempo passa e vai-se embora Eu vou cantar um samba Pra quem chegar agora Fica de fora quem faz tempo foi criança E j
  9. 9. A Rita - A Rita levou meu sorriso No sorriso dela Meu assunto Levou junto com ela E o que me é de direito Arrancou-me do peito E tem mais Levou seu retrato, seu trapo, seu prato Que papel! U
  10. 10. a Rita - A Rita levou meu sorriso No sorriso dela Meu assunto Levou junto com ela E o que me é de direito Arrancou-me do peito E tem mais Levou seu retrato, seu trapo, seu prato Que papel! U
  11. 11. a Saudade Mata a Gente - Fiz meu rancho na beira do rio Meu amor foi comigo morar E na rede, nas noites de frio Meu bem me abraçava pra me agasalhar Mas agora, meu bem, vou-me embora Vou-me embora, e não sei se
  12. 12. A Saudade me Bateu (Sentimental Journey) - Vamos lá, fazer uma viagem Vamos ver como será Vamos lá, que o resto é uma bobagem Tudo vai se renovar Vamos lá pegar minha bagagem Vamos já entrar no trem Vou deixar a minha vadiagem Faço iss
  13. 13. A Viola Quebrada - Quando da brisa no açoite A flôr da noite se acurvou Fui se encontrar com a maróca meu amor Eu tive n'alma um choque duro Quando ao muro já no escuro Meu olhar andou buscando a cara dela e não a
  14. 14. Acender As Velas - Acender as velas já é profissão Quando não tem samba, tem desilusão É mais um coração que deixa de bater Um anjo vai pro céu Deus me perdoe, mas vou dizer. Deus me perdoe, mas vou dizer...
  15. 15. Acender as Velas - Acender as velas já é profissão Quando não tem samba, tem desilusão É mais um coração que deixa de bater Um anjo vai pro céu Deus me perdoe, mas vou dizer. Deus me perdoe, mas vou dizer...
  16. 16. Adeus No Cais - Me lembro de você dizendo adeus no cais Sangrando meu coração Meu peito bate em vão Não posso me esquecer do seu sorriso Era verão Sei que nunca vais voltar Que é melhor não esperar
  17. 17. Água De Beber - Eu quis amar mais tive medo E quis salvar meu coração Mas o amor sabe um segredo O medo pode matar o seu coração Água de beber Água de beber camará Água de beber Água de beber camar
  18. 18. Águas De Março - É pau, é pedra, é o fim do caminho, É um resto de toco, é um pouco sozinho É um caco de vidro, é a vida, é o sol, É a noite, é a morte, é um laço, é o anzol É peroba do campo, o nó da ma
  19. 19. Aleluia - Barco deitado na areia não dá pra viver, não dá Lua bonita sozinha não faz o amor, não faz Toma decisão, aleluia! Que um dia o céu vai mudar Quem viveu a vida da gente tem que se arriscar A
  20. 20. Além Do Arco-íris - Além do arco-íris Há, um lugar Onde um dia eu ouvi Uma canção de ninar Pra lá do arco-íris O céu é azul E os sons que nós ousamos Vem nos acalentar Um dia eu quis subir numa es
  21. 21. Além Do Horizonte - Além do horizonte deve ter algum lugar bonito pra viver em paz Onde eu possa encontrar a natureza, alegria e felicidade com certeza Lá nesse lugar o amanhecer é lindo, com flores festejando mais
  22. 22. Alguém Que Olhe Por Mim (someone To Watch Over Me) - Sei que existe alguém que é feito pra mim E sendo assim, que seja enfim Alguém que olhe por mim Não sou mais que um carneirinho perdido Arrependido e oferecido Pra alguém que olhe por mim Pode não ser
  23. 23. Amei Tanto - Amei tanto Que agora nem sei mais chorar (bis) Vivi procurando Vivi te encontrando Vivi te perdendo, amor Ah, coração infeliz até quando? Para ser feliz Tu vais morrer de dor (bis
  24. 24. Amei Tantu - Amei tanto Nara Leão Composição: Vinicius de Moraes Amei tanto Que agora nem sei mais chorar (bis) Vivi procurando Vivi te encontrando Vivi te perdendo, amor Ah, coração infe
  25. 25. Amo Tanto - Meu amor, eu vim de longe pra dizer-te Meu amor Tempo, tanto a ti perdi Vim dizer-te o que sofri Fiz-me dia. Fiz-me noite Fiz-me só pensando em ti Fiz da minha vida uma eterna solidão Meu amo
  26. 26. Amor Nas Estrelas - No alto de uma montanha existe um lago azul É lá que a lua se banha Até amanhã de manhã me banha de luz A solidão é um Saara que o firmamento seduz E o céu brilha na Guanabara E sonha só
  27. 27. Anoiteceu - A luz morreu O céu perdeu a cor Anoiteceu No nosso grande amor A luz morreu O céu perdeu a cor Anoiteceu No nosso grande amor No nosso grande amor Ah, leva a solidão de mim Tir
  28. 28. As Curvas da Estrada De Santos - Se você pretende saber quem eu sou Eu posso lhe dizer Entre no meu carro na Estrada de Santos E você vai me conhecer Você vai pensar que eu Não gosto nem mesmo de mim E que na minha idade Só a
  29. 29. As Tears Go By - It is the evening of the day, I sit and watch the children play. Smiling faces I can see But not for me, I sit and watch as tears go by. My riches can't buy everything, I want to hear the child
  30. 30. Asa Morena - Me faz pequena Asa Morena Me alivia a dor Aliviando a dor que mata Me faz ser teu amor...(2x) Me toma no crescer De um beijo muito louco Me implodindo aos poucos No universo a desv
  31. 31. Até Quem Sabe - Até um dia Até talvez Até quem sabe Até você sem fantasia Sem mais saudade. Agora a gente Tão de repente Nem mais se entende Nem mais pretende Seguir fingindo Seguir fingindo.
  32. 32. Até Quem Sabe - Até um dia Até talvez Até quem sabe Até você sem fantasia Sem mais saudade. Agora a gente Tão de repente Nem mais se entende Nem mais pretende Seguir fingindo Seguir fingindo.
  33. 33. Até Quem Sabe - Até um dia Até talvez Até quem sabe Até você sem fantasia Sem mais saudade. Agora a gente Tão de repente Nem mais se entende Nem mais pretende Seguir fingindo Seguir fingindo.
  34. 34. Azulão - Vai Azulão Azulão companheiro vai Vai ver minha ingrata Diz que sem ela O sertão não é mais sertão Ah, voa, Azulão Azulão, companheiro vai...
  35. 35. Baioque - Quando eu canto Que se cuide Quem não for meu irmão O meu canto Punhalada Não conhece o perdão Quando eu rio Quando rio Rio seco Como é seco o sertão Meu sorriso É uma fenda Escavada no chão
  36. 36. Berimbau - Quem é homem de bem não trai O amor que lhe quer seu bem Quem diz muito que vai, não vai Assim como não vai, não vem Quem de dentro de si não sai Vai morrer sem amar ninguém O dinheiro de quem
  37. 37. Berimbau - Quem é homem de bem não trai O amor que lhe quer seu bem Quem diz muito que vai, não vai Assim como não vai, não vem Quem de dentro de si não sai Vai morrer sem amar ninguém O dinheiro de quem
  38. 38. Bloco Do Prazer - Vem meu amor feito louca Que a vida tá curta E eu quero muito mais Mais que essa dor que arrebenta A paixão violenta Oitenta carnavais Pra libertar meu coração Eu quero muito mais
  39. 39. Bobagens De Amor - Eu, você, um pôr do sol A praia, o mar, promessar no ar E tudo que eu quis sem medo de ser feliz É tão bom andar por aí Pra mim, pra você, (?)Hollywood(?) é aqui Se o sonho acabou, a gen
  40. 40. Bonita - What can I say to you Bonita What magic words would capture you Like a soft evasive mist you are... Bonita You fly away when love is new What do you ask of me... Bonita What part do you wan
  41. 41. Cabra Macho - Cabra macho tem no Norte, Tem no Sul, em toda parte: Tem macho que é industrial, Tem até portaestandarte, Tem sujeito importante, Tem gente até sem nome, Achar macho é muito fácil: O difícil é
  42. 42. Camisa Amarela - Gosto dele assim, passou a brincadeira, e ele é pra mim... Encontrei o meu pedaço na avenida de camisa amarela Cantando a Florisbela, oi, a Florisbela Convidei-o a voltar pra casa em minha c
  43. 43. Camisa Amarela - Gosto dele assim, passou a brincadeira, e ele é pra mim... Encontrei o meu pedaço na avenida de camisa amarela Cantando a Florisbela, oi, a Florisbela Convidei-o a voltar pra casa em minha c
  44. 44. Canção da Terra - Olorum dê Olorum dê Olorum I si bê o bá I si bê o bá Ave meu pai o teu filho morreu ( bis) Sem ter nação para viver Sem ter um chão para plantar Sem ter amor para colher Sem ter voz livre pr
  45. 45. Canção do Bicho - Se corres, bicho te pega amor Se ficas, ele te come. Aí que bicho será esse amor, Que tem braço e pé de homem Com a mão direita ele rouba amor, Com a esquerda ele entrega Janeiro te dá trabalho
  46. 46. Canta Maria - Canta, Maria A melodia singela Canta que a vida é um dia Que a vida é bela, minha Maria, Lá, lá, lá, lá, lá, Maria é meu amor Lá, lá, lá, lá, lá, Amor que me faz chorar Plantei um pé
  47. 47. Capricho - Ai! quando Brando Vai o vento Lento À lua Nua Perpassar sutil E a estrela Vela, E sobre a linfa A ninfa Suspira Mira O divinal perfil Num leito Feito De cheir
  48. 48. Carcará - Carcará, pega mata e come Carcará não vai morrer de fome Carcará, mais coragem do que hôme Carcará, pega mata e come Carcará, lá no sertão É um bicho que avôa que nem avião É um pássar
  49. 49. Carolina - Carolina, os seus olhos fundos Guarda tanta dor A dor de todo este mundo Eu já lhe expliquei que não vai dar Seu pranto não vai nada ajudar Eu já convidei para dançar É hora, já sei, d
  50. 50. Carolina - Carolina, os seus olhos fundos Guarda tanta dor A dor de todo este mundo Eu já lhe expliquei que não vai dar Seu pranto não vai nada ajudar Eu já convidei para dançar É hora, já sei, d
  51. 51. Carolina - Carolina, os seus olhos fundos Guarda tanta dor A dor de todo este mundo Eu já lhe expliquei que não vai dar Seu pranto não vai nada ajudar Eu já convidei para dançar É hora, já sei, d
  52. 52. Cartas De Amor - Quantas canções pelo ar Cartas de amor, pelo chão Tantas lembranças não cabem mais Em nenhum canto do coração. Já não consigo escrever, Já não suporto reler. Tantas palavras de amor Não s
  53. 53. Casinha Pequenina - Tu não te lembras da casinha pequenina Onde o nosso amor nasceu? Tu não te lembras da casinha pequenina Onde o nosso amor nasceu? Tinha um coqueiro do lado Que coitado de saudade Já morre
  54. 54. Cavalgada - Vou cavalgar por toda a noite Por uma estrada colorida Usar meus beijos como açoite E a minha mão mais atrevida Vou me agarrar aos seus cabelos Pra não cair do seu galope Vou atender aos meus a
  55. 55. Chega De Saudade - Vai minha tristeza E diz a ela que sem ela não pode ser Diz-lhe numa prece Que ela regresse Porque não posso mais sofrer... Chega de saudade A realidade é que sem ela Não há paz, não
  56. 56. Chega De Saudade - Vai minha tristeza E diz a ela que sem ela não pode ser Diz-lhe numa prece Que ela regresse Porque não posso mais sofrer... Chega de saudade A realidade é que sem ela Não há paz, não
  57. 57. Cicatriz - Pobre não é um pobre é mais de dois, muito mais de três. E vai por ai e vejam só : Deus dando a paisagem metade do céu já é meu Pobre nunca teve gosto ; a tristeza é a sua cicatri
  58. 58. Coisas Do Mundo, Minha Nêga - Hoje eu vim, minha nega como veio quando posso Na boca as mesmas palavras, no peito o mesmo remorso Nas mãos a mesma viola onde gravei o teu nome Venho do samba há tempo, nega, vim paran
  59. 59. Coisas Que Lembram Você - Um lenço branco de batom marcado Um telefone que só toca ao lado Tudo isso eu guardo porque Coisas assim me lembram você Uma canção que traz você mais perto A voz macia do João Gilberto
  60. 60. Com Açúcar, Com Afeto - Com açúcar, com afeto Fiz seu doce predileto Pra você parar em casa Qual o quê Com seu terno mais bonito Você sai, não acredito Quando diz que não se atrasa Você diz que é operário
  61. 61. Com Açúcar, Com Afeto - Com açúcar, com afeto Fiz seu doce predileto Pra você parar em casa Qual o quê Com seu terno mais bonito Você sai, não acredito Quando diz que não se atrasa Você diz que é operário
  62. 62. Com Açúcar e Com Afeto - Com açúcar, com afeto, fiz seu doce predileto Pra você parar em casa, qual o quê Com seu terno mais bonito, você sai, não acredito Quando diz que não se atrasa Você diz que é operário, sai em busca do
  63. 63. Comigo É Assim - A nossa vida tem sido um horror E o culpado é só você que não me tem amor Se eu chego tarde você quer brigar Bota a banca de feliz não para de falar Já lhe avisei para tomar cuidado Pois você es
  64. 64. Como Dois E Dois São Quatro - Como dois e dois são quatro Sei que a vida vale a pena Embora o pão seja caro E a liberdade pequena Como seus olhos são claros E tua pele, morena Como é azul o oceano E a lagoa, serena Como u
  65. 65. Como É Grande O Meu Amor Por Você - Eu tenho tanto pra lhe falar Mas com palavras não sei dizer Como é grande o meu amor por você E não ha nada pra comparar Para poder lhe explicar Como é grande o meu amor por você Nem
  66. 66. Consolação - Se não tivesse o amor Se não tivesse essa dor E se não tivesse o sofrer e se não tivesse o chorar melhor era tudo se acabar Eu amei, amei demais O que sofri por causa do amor Nin
  67. 67. Corcovado - Um cantinho, um violão Esse amor, uma canção Pra fazer feliz a quem se ama Muita calma pra pensar E ter tempo pra sonhar Da janela vê-se o Corcovado O Redentor que lindo! Quero a
  68. 68. Corcovado - Um cantinho, um violão Esse amor, uma canção Pra fazer feliz a quem se ama Muita calma pra pensar E ter tempo pra sonhar Da janela vê-se o Corcovado O Redentor que lindo! Quero a
  69. 69. Cordão do Zepelin - De Zepelin, só de Zepelin A gente brinca os quatro dias sem parar De Zepelin, só de Zepelin A gente passa o Carnaval em pleno ar Isabel me dê a mão Vamos subir neste balão A vista lá de cima dá
  70. 70. Corrida De Jangada - Meu mestre deu a partida É hora, vamos embora Pros rumos do litoral Vamos embora Na volta eu venho ligeiro Vamos embora Eu venho primeiro pra tomar teu coração É hora! Ora, vamos embo
  71. 71. Cuitelinho - Cheguei na beira do porto onde as ondas se espaia. As garça, dá meia volta e senta na beira da praia. E o cuitelinho não gosta, Que o botão de rosa caia ai. Ai quando eu vim, da minha terra d
  72. 72. Da Cor Do Pecado - Esse corpo moreno Cheiroso e gostoso Que você tem É um corpo delgado Da cor do pecado Que faz tão bem Esse beijo molhado Escandalizado que você me deu, Tem sabor diferente Que a boc
  73. 73. De Mal Pra Pior - Vai-se ver e atrás do riso Está morrendo de chorar E passando maus pedaços Disfarçando que vai bem Não vai bem pra ser sincero Vai de mal pra bem pior Vive sem pedir ajuda Eu sei lá porque, pr
  74. 74. De Onde Vens - Ah, quanta dor vejo em teus olhos Tanto pranto em teu sorriso Tão vazias as tuas mãos De onde vens assim cansada De que dor, de qual distância De que terras,de que mar Só quem parti
  75. 75. Debaixo Dos Caracóis Dos Seus Cabelos - Um dia a areia branca Seus pés irão tocar E vai molhar seus cabelos A água azul do mar Janelas e portas vão se abrir Pra ver você chegar E ao se sentir em casa Sorrindo vai chorar
  76. 76. Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos - Um dia a areia branca Seus pés irão tocar E vai molhar seus cabelos A água azul do mar Janelas e portas vão se abrir Pra ver você chegar E ao se sentir em casa Sorrindo vai chorar
  77. 77. Debaixo Dos Caracóis Dos Teus Cabelos - Um dia a areia branca Seus pés irão tocar E vai molhar seus cabelos A água azul do mar Janelas e portas vão se abrir Pra ver você chegar E ao se sentir em casa Sorrindo vai chorar Debaixo dos carac
  78. 78. Demais - Todos acham que eu falo demais E que eu ando bebendo demais Que essa vida agitada Não serve pra nada Andar por aí Bar em bar, bar em bar Dizem até que ando rindo demais E que
  79. 79. Desafinado - Se você disser que eu desafino amor Saiba que isto em mim provoca imensa dor Só privilegiados tem o ouvido igual ao seu Eu possuo apenas o que Deus me deu... Se você insiste em me classifi
  80. 80. Descansa Coração - Cansei de tanto procurar Cansei de não achar Cansei de tanto encontrar Cansei de me perder Hoje eu quero somente esquecer Quero o corpo sem qualquer querer Tenhos os olhos tão cansados
  81. 81. Deus Me Perdoe - Deus me perdoe Mas levar essa vida que eu levo É melhor morrer Relembrando a fingida mulher que me abandonou Mais aumenta a saudade que tanto me faz sofrer Se ela quizesse voltar eu perdoav
  82. 82. Deus Vos Salve Esta Casa Santa - Um bom menino perdeu-se um dia Entre a cozinha e o corredor O pai deu ordem a toda família Que o procurasse e ninguém achou A mãe deu ordem a toda polícia Que o perseguisse e ninguém a
  83. 83. Dia De Chuva - Como eu queria Beijar tua boca Como eu queria Te morder de paixão Quero meu bem Um beijo bem dado Como que deu na amada o rapaz do lado Como é ? Aproveite esse dia de chuva
  84. 84. Diz Que Fui Por Aí - se alguém perguntar por mim diz que fui por aí levando o violão debaixo do braço em qualquer esquina eu paro em qualquer botequim eu entro e se houver motivo é mais um samba qu'eu faço e se quiserem
  85. 85. Dueto - Consta nos astros, nos signos, nos búzios Eu li num anúncio, eu vi no espelho, tá lá no evangelho, garantem os orixás Serás o meu amor, serás a minha paz Consta nos autos, nas bulas, nos dogmas
  86. 86. E Se Depois - E se depois você pensar que eu sou seu... E se quiser me encontrar outra vez Mas não quero mais È tarde demais E nada nunca vai ser igual Meu coração bate feliz ao te ver Mas nunca mais Vai te
  87. 87. Esse Seu Olhar - Esse seu olhar Quando encontra o meu Fala de umas coisas Que eu não posso acreditar Doce é sonhar é pensar que você Gosta de mim como eu de você Mas a ilusão Quando se desfaz Dói no coração De quem so
  88. 88. Este Seu Olhar - Esse seu olhar Quando encontra o meu Fala de umas coisas Que eu nem posso acreditar Doce é sonhar É pensar que você Gosta de mim Como eu de você Mas a ilusão Quando se desfaz Dói no cor
  89. 89. Este Seu Olhar - Esse seu olhar Quando encontra o meu Fala de umas coisas Que eu nem posso acreditar Doce é sonhar É pensar que você Gosta de mim Como eu de você Mas a ilusão Quando se desfaz Dói no cor
  90. 90. Este Seu Olhar - Esse seu olhar Quando encontra o meu Fala de umas coisas Que eu nem posso acreditar Doce é sonhar É pensar que você Gosta de mim Como eu de você Mas a ilusão Quando se desfaz Dói no cor
  91. 91. Estrada do Sol - É de manhã, vem o sol mas os pingos da chuva que ontem caiu Ainda estão a brilhar, ainda estão a bailar ao vento alegre que nos tráz esta canção Quero que você me dê a mão Vamos sair por aí
  92. 92. Estrada do Sol - É de manhã, vem o sol mas os pingos da chuva que ontem caiu Ainda estão a brilhar, ainda estão a bailar ao vento alegre que nos tráz esta canção Quero que você me dê a mão Vamos sair por aí
  93. 93. Eu Gosto Mais do Rio - Eu gosto mais do Rio, quando estou com você De ouvir canções do Tom quando estou com você Gosto de ir a um bar bem à beira-mar Tomar um chope gelado, ver gente passear, mas só com você É bom vive
  94. 94. Faz Escuro Mas Eu Canto - Faz escuro, mas eu canto por que amanhã vai chegar. Vem ver comigo companheiro, vai ser lindo, a cor do mundo mudar. Vale a pena não dormir para esperar, porque amanhã vai chegar. Já é madrugad
  95. 95. Feio Não É Bonito - Salve as belezas desse meu Brasil Com seu passado e tradição E salve o morro cheio de glória Com as escolas que falam no samba Da sua história Feio, não é bonito O morro existe Mas pede pra se
  96. 96. Fez Bobagem - Meu moreno fez bobagem Maltratou meu pobre coração Aproveitou a minha ausência E botou mulher sambando no meu barracão Quando eu penso que outra mulher Requebrou pra meu moreno ver Nem dá
  97. 97. Fiz a Cama Na Varanda - Fiz a cama na varanda me deitei pensando em ti Deu um vento na roseira ai meus cuidados Que do sono me esqueci Menina, minha menina Ai não faças assim como eu Que vivo morta de pena Po
  98. 98. Folhetim - Se acaso me quiseres Sou dessas mulheres Que só dizem sim Por uma coisa à toa Uma noitada boa Um cinema, um botequim E, se tiveres renda Aceito uma prenda Qualquer coisa assim Co
  99. 99. Formosa - A saudade de um amor ô, ô, ô, ô No meu peito quis entrar á, á, á, á O amor já foi-se embora E a saudade quis ficar Foi Deus quem te fez formosa Formosa, ô, formosa Porém este mundo te
  100. 100. Fotografia - Eu, você, nós dois Aqui neste terraço à beira-mar O sol já vai caindo e o seu olhar Parece acompanhar a cor do mar Você tem que ir embora A tarde cai Em cores se desfaz, Escureceu O s
  101. 101. Fui Bem Feliz - Já fui bem feliz Agora não sou Já fui bem feliz Agora não sou Ah, se eu pudesse voltar aos meus tempos de outrora Do meu apito no nosso desfile da escola Minhas pastoras vestidas com r
  102. 102. Funeral De Um Lavrador - Esta cova em que estás Com palmos medida É a conta menor que tiraste em vida É de bom tamanho Nem largo nem fundo É a parte que te cabe Deste latifúndio Não é cova grande É co
  103. 103. Gaiolas Abertas - Gaiolas Abertas Voa, voa, passarinha, voa A gaiola está aberta Nada já te prende mais Voa, bate asa e vai embora Mas há perigos lá fora Visgos e pedras mortais Voa, pra ser livre valem os risc
  104. 104. Garota De Ipanema - Olha que coisa mais linda, Mais cheia de graça É ela a menina que vem e que passa Num doce balanço a caminho do mar Moça do corpo dourado do sol de Ipanema, O seu balançado parece um poe
  105. 105. Garota De Ipanema - Olha que coisa mais linda, Mais cheia de graça É ela a menina que vem e que passa Num doce balanço a caminho do mar Moça do corpo dourado do sol de Ipanema, O seu balançado parece um poe
  106. 106. Garota De Ipanema - Olha que coisa mais linda, Mais cheia de graça É ela a menina que vem e que passa Num doce balanço a caminho do mar Moça do corpo dourado do sol de Ipanema, O seu balançado parece um poe
  107. 107. Garota de Ipanema - Olha que coisa mais linda, Mais cheia de graça É ela a menina que vem e que passa Num doce balanço a caminho do mar Moça do corpo dourado do sol de Ipanema, O seu balançado parece um poe
  108. 108. Hei De Voltar Pro Sul - Hei de voltar pro sul É lá que eu vou viver A lua faz um leito, um dia eu deito e meu bem-querer Deixa a brisa ligeira afagar a esteira pra adormecer. Hei de voltar pro sul Em tardes de
  109. 109. História De Uma Gata - Me alimentaram Me acariciaram Me aliciaram Me acostumaram O meu mundo era o apartamento Detefon, almofada e trato Todo dia filé-mignon Ou mesmo um bom filé...de gato Me diziam, tod
  110. 110. Homenagem Ao Malandro - Eu fui fazer um samba em homenagem à nata da malandragem, que conheço de outros carnavais. Eu fui à Lapa e perdi a viagem, que aquela tal malandragem não existe mais. Agora já não é norma
  111. 111. Imagina Só - Imagina Só Imagina só Que eu desde pequena Provava um bocado Da tua merenda Imagina só Que eu sou da tua sala Carregas meus livros E eu te passo cola Imagina só Que eu sou da tua rua Abri
  112. 112. Insensatez - A insensatez que você fez Coração mais sem cuidado Fez chorar de dor O seu amor Um amor tão delicado Ah, porque você foi fraco assim Assim tão desalmado Ah, meu coração quem nunca amou
  113. 113. Insensatez - Ah, insensatez que você fez Coração mais sem cuidado Fez chorar de dor o seu amor Um amor tão delicado Ah, por que você foi fraco assim Assim, tão desalmado? Ah, meu coração Quem nun
  114. 114. João E Maria - Agora eu era o herói E o meu cavalo só falava inglês A noiva do cowboy era você, além das outras três Eu enfrentava os batalhões, os alemães e seus canhões Guardava o meu bodoque e ensaiava o roc
  115. 115. João E Maria - Agora eu era o herói E o meu cavalo só falava inglês A noiva do cowboy era você, além das outras três Eu enfrentava os batalhões, os alemães e seus canhões Guardava o meu bodoque e ensaiava o roc
  116. 116. João E Maria - Agora eu era o herói E o meu cavalo só falava inglês A noiva do cowboy era você, além das outras três Eu enfrentava os batalhões, os alemães e seus canhões Guardava o meu bodoque e ensaiava o roc
  117. 117. La Colombine - Por que essa fanfarra? Se os homens enfileirados Esperam o massacre E vão morrer ou matar Por que esse trem sem cores? Que ronca alto e suspira Para nos conduzir À tragédia e à mentira Por qu
  118. 118. Lá Vem Você - Lá vem você nas notas da minha canção um tom maior de emoção nas coisas mais simples que faço, meu bem, pode crer eu sempre coloco um pedaço também de você porque você chegou como chega
  119. 119. Lancha Nova - Ô! Ô! Ô! Ô! Lancha nova no cais apitou E a danada da saudade No meu peito já chegou Adeus oh! Linda morena Não chores mais por favor Partindo eu morro de pena Ficando eu morro de amor.
  120. 120. Laranja Da China - Areia branca, areia fina Vela no mar, luz cristalina Areia branca, areia fina Verde no mar, pôr do sol na salina Areia branca, areia fina Vela no mar, luz cristalina Risca no céu meu a
  121. 121. Lindonéia - Na frente do espelho Sem que ninguém a visse Miss Linda, feia Lindonéia desaparecida Despedaçados, atropelados Cachorros mortos nas ruas Policiais vigiando O sol batendo nas frutas
  122. 122. Lindonéia - Na frente do espelho Sem que ninguém a visse Miss Linda, feia Lindonéia desaparecida Despedaçados, atropelados Cachorros mortos nas ruas Policiais vigiando O sol batendo nas frutas
  123. 123. Little Boxes - Uma caixa bem na praça, uma caixa bem quadradinha Uma caixa, outra caixa, todas elas iguaizinhas Uma verde, outra rosa e uma bem amarelinha Todas elas feitas de tic tac, todas elas iguaizinhas
  124. 124. Luz Brasileira - Clara como a lua Rara como o ar Ah! se eu fosse tua A tua luz no meu olhar Feliz da bandeira Que a voz desenhar Na luz brasileira Além da voz do sabiá Me espera que eu quero ir Não chora que
  125. 125. Luz Do Sol - luz do sol que a folha traga e traduz em verde de novo em folha, em graça, em vida em força, em luz céu azul que venha até onde os pés tocam na terra e a terra inspira e exala seus
  126. 126. Luz Negra - Sempre só Eu vivo procurando alguém Que sofra como eu também E não consigo achar ninguém Sempre só E a vida vai seguindo assim Não tenho quem tem dó de mim Estou chegando ao fim. A lu
  127. 127. Madalena Foi Pro Mar - Madalena foi pro mar E eu fiquei a ver navios Quem com ela se encontrar Diga lá no alto mar Que é preciso voltar já Pra cuidar dos nossos filhos Pra zombar dos olhos meus No alto mar a vela ac
  128. 128. Mágoa / Caminhos Cruzados - Você, chegou tão tarde na minha vida, que só encontrou muita mágoa, no meu coração Você me olhou, sorriu, com tanta ternura, que eu descobri em você, uma nova razão, comovido fiquei, e beijei sua mão
  129. 129. Maio, maduro maio - Maio, maduro maio, quem te pintou, quem te quebrou o encanto, nunca te amou raiava o sol já no sul e uma falua vinha lá de Istambul Sempre depois da sesta, chamando as flores, era o dia da festa, Mai
  130. 130. Maio,maduro Maio - Maio, maduro maio, quem te pintou, quem te quebrou o encanto, nunca te amou raiava o sol já no sul e uma falua vinha lá de Istambul Sempre depois da sesta, chamando as flores, era o dia
  131. 131. Mais Uma Estrela - Brilhou Mais uma estrela no céu E a nossa lua de mel Que mal começou Tão depressa se acabou Depois Que você se despediu Mais uma estrela surgiu E o coração Apagou-se na ilusão Hoje vivo tão
  132. 132. Mais Uma Vez, Amor - Hoje eu quero amar Quero me dar contente A quem contento tanto A quem tanto me quer Uma mulher à luz Clara da lua cheia Cheia de amor cantando Velhas canções de amor Antes que seja ta
  133. 133. Malvadeza Durão - Mais um malandro fechou o paletó Eu tive dó, eu tive dó Quatro velas acesas em cima de uma mesa E uma subscrição para ser enterrado Morreu Malvadeza Durão Valente, mas muito considerado
  134. 134. Mamãe Coragem - Mamãe, mamãe, não chore A vida é assim mesmo Eu fui embora Mamãe, mamãe, não chore Eu nunca mais vou voltar por aí Mamãe, mamãe, não chore A vida é assim mesmo Eu quero mesmo é isto aqu
  135. 135. Mambembe - No palco, na praça, no circo, num banco de jardim Correndo no escuro, pichado no muro Você vai saber de mim Mambembe, cigano Debaixo da ponte, cantando Por baixo da terra, cantando Na boca do p
  136. 136. Manhã De Carnaval - Manhã, tão bonita manhã Na vida, uma nova canção Cantando só teus olhos Teu riso, tuas mãos Pois há de haver um dia Em que virás Das cordas do meu violão Que só teu amor procurou V
  137. 137. Marcha Da Quarta-feira De Cinzas - Acabou nosso carnaval ninguém houve cantar canções Ninguém passa mais, brincando Feliz e nos corações saudades e cinzas foi o que restou Pels ruas o que se vê É uma gente que nem se vê Qu
  138. 138. Marcha Da Quarta-feira De Cinzas - Acabou nosso carnaval ninguém houve cantar canções Ninguém passa mais, brincando Feliz e nos corações saudades e cinzas foi o que restou Pels ruas o que se vê É uma gente que nem se vê Qu
  139. 139. Maria Joana - Não faz feitiço quem não tem um terreiro Nem batucada quem não tem um pandeiro Não vive bem quem nunca teve dinheiro Nem tem casa pra morar Não cai na roda quem tem perna bamba Não é de nad
  140. 140. Maria Moita - Nasci lá na Bahia De Mucama com feitor Meu pai dormia em cama Minha mãe no pisador Meu pai só dizia assim, venha Minha mãe dizia sim, sem falar Mulher que fala muito perde logo seu amor
  141. 141. Maria Moita - Nasci lá na Bahia De Mucama com feitor Meu pai dormia em cama Minha mãe no pisador Meu pai só dizia assim, venha Minha mãe dizia sim, sem falar Mulher que fala muito perde logo seu amor
  142. 142. Marinheira - Quando for de tardezinha Minha companheira Na beira do rio, Lá nas marinheiras, Meus olhos vazios Vão te espiar. Lembra da lua saindo Por trás da palmeira? O Rio é profundo E a d
  143. 143. Me Abraça (embraceable You) - Me abraça Vem mais pra perto de mim Me abraça do jeito que eu já sei Eu me sinto uma cigana Com vontade de dançar, cantar Basta olhar você Meu corpo quer se embriagar Sua pele você colado em mim De um
  144. 144. Me Dá... Me Dá - Você já sabe que o meu não é nenhum Por isso é escusado Você me pedir algum Isso é feio viver de expediente Você não é aleijado Não é cego nem doente Você tem coragem De enfrentar um ba
  145. 145. Meditação - Quem acreditou No amor, no sorriso, na flor Entao sonhou, sonhou... E perdeu a paz O amor, o sorriso e a flor Se transformam depressa demais Quem No coraçao Abrigou a tristeza de v
  146. 146. Meditação - Quem acreditou No amor, no sorriso, na flor Entao sonhou, sonhou... E perdeu a paz O amor, o sorriso e a flor Se transformam depressa demais Quem No coraçao Abrigou a tristeza de v
  147. 147. Meditação - Quem acreditou No amor, no sorriso, na flor Entao sonhou, sonhou... E perdeu a paz O amor, o sorriso e a flor Se transformam depressa demais Quem No coraçao Abrigou a tristeza de v
  148. 148. Menina Da Agulha - Que menina é aquela Que vem de tão longe? Tão longe Tão triste e pensativa Ela vem de onde Que rosto é o rosto dela Que sorriso esconde Que sonho vem com ela Menina, me responde
  149. 149. Mentiras - Diga, essas coisas todas, Essas coisas tolas, Que eu gosto de ouvir Eu sei, que todas essas coisas tantas, E essas coisas todas tontas, são só mentiras de você Diga, que o amor foi tudo, Mesmo
  150. 150. Meu Ego - Por favor meu ego Não dê força ao prego Que nos põe contra a parede Pra nos afogar de sede Chove chuva na sua boca Você não bebe Há palavras, existem letras Mas você não forma As f
  151. 151. Meu Primeiro Amor - Saudade, palavra triste Quando se perde um grande amor Na estrada longa da vida Eu vou chorando a minha dor Igual uma borboleta Vagando triste por sobre a flor Seu nome, sempre em meus
  152. 152. Minha História - Seu moço, quer saber, eu vou cantar num baião Minha história pra o senhor, seu moço, preste atenção Eu vendia pirulito, arroz doce, mungunzá Enquanto eu ia vender doce, meus colegas iam estu
  153. 153. Minha Namorada - Se você quer ser minha namorada Ah, que linda namorada Você poderia ser Se quiser ser somente minha Exatamente essa coisinha Essa coisa toda minha Que ninguém mais pode ser Voc
  154. 154. Minha Namorada - Se você quer ser minha namorada Ah, que linda namorada Você poderia ser Se quiser ser somente minha Exatamente essa coisinha Essa coisa toda minha Que ninguém mais pode ser Voc
  155. 155. Minha Namorada - Se você quer ser minha namorada Ah, que linda namorada Você poderia ser Se quiser ser somente minha Exatamente essa coisinha Essa coisa toda minha Que ninguém mais pode ser Voc
  156. 156. Moça Bonita - Moço bonito O meu corpo cheira Ao botão da laranjeira Eu também não sei se é Imagine o desatino O teu cheiro é de café Mas o meu cheiro é feminino É só cheiro de mulher Moço bonito
  157. 157. Moço Bonito - Moço bonito O meu corpo cheira Ao botão da laranjeira Eu também não sei se é Imagine o desatino O teu cheiro é de café Mas o meu cheiro é feminino É só cheiro de mulher Moço bonito
  158. 158. Modinha - Não, não pode mais meu coração Viver assim dilacerado Escravizado a uma ilusão Que é só desilusão Não, não seja a vida sempre assim Como um luar desesperado A derramar melancolia em mim Poesia
  159. 159. Morena Boca De Ouro - Morena boca de ouro que me faz sofrer O teu jeitinho é que me mata Roda morena, cai não cai Ginga morena, vai não vai Samba, morena, que desacata Morena uma brasa viva pronta pra queimar Queima
  160. 160. Morena Do Mar - Ô morena do mar, oi eu, ô morena do mar Ô morena do mar,sou eu que acabei de chegar Ô morena do mar Eu disse que ia voltar Ai,eu disse que ia chegar, Cheguei Ô morena do mar, oi eu, Ô mo
  161. 161. Morena Dos Olhos D'água - Morena dos olhos d'água, tire os seus olhos do mar Vem ver que a vida ainda vale o sorriso que eu tenho pra lhedar Descansa em meu pobre peito, que jamais enfrenta o mar Mas que tem abraço e
  162. 162. Mulher - Não sei Que intensa magia Teu corpo irradia Que me deixa louco assim Mulher Não sei Teus olhos castanhos Profundos, estranhos Que mistério ocultarão Mulher Não sei dizer Mulher
  163. 163. Nasci Para Bailar - Atravessei sete montanhas Pra chegar no mar Porque nasci, nasci para bailar Abri veredas e cancelas pra poder passar Porque nasci, nasci para bailar Danço bolero, danço samba, danço chá-ch
  164. 164. Nasci Pra Bailar - Atravessei sete montanhas Pra chegar no mar Porque nasci, nasci para bailar Abri veredas e cancelas pra poder passar Porque nasci, nasci para bailar Danço bolero, danço samba, danço chá-chá-chá Por qu
  165. 165. No Cordão Da Saideira - Hoje não tem dança Não tem mais menina de trança Nem cheiro de lança no ar Hoje não tem frevo Tem gente que passa com medo E na praça ninguém pra cantar Me lembro tanto E é tão grande a saudad
  166. 166. Noite Dos Mascarados - Quem é você Adivinha se gosta de mim Hoje os dois mascarados procuram Os seus namorados perguntando assim: Quem é você? Diga logo que eu quero saber o seu jogo Que eu quero morrer no s
  167. 167. Nonó - Nonó Você já sabe de cor Minha mais nova canção Composta só Para fazer o "check up" Na minha capacidade musical Cal, cal, cal, cal Mas a razão pela qual Eu lhe pergunto Se já conseguiu decor
  168. 168. O Amor Em Paz - Eu amei E amei, adimito Mais do que devia amar E chorei Ao sentir que iria sofrer E me desesperar Foi então Que da minha infinita tristeza Aconteceu você Encontrei Em você a ra
  169. 169. O Barquinho - Dia de luz, festa de sol E o barquinho a deslizar No macio azul do mar Tudo é verão, o amor se faz No barquinho pelo mar Que desliza sem parar Sem intenção, nossa canção Vai saindo desse mar
  170. 170. O Barquinho - Dia de luz, festa de sol E o barquinho a deslizar No macio azul do mar Tudo é verão, o amor se faz No barquinho pelo mar Que desliza sem parar Sem intenção, nossa canção Vai saindo desse mar
  171. 171. O Barquinho - Dia de luz, festa de sol E o barquinho a deslizar No macio azul do mar Tudo é verão, o amor se faz No barquinho pelo mar Que desliza sem parar Sem intenção, nossa canção Vai saindo desse mar
  172. 172. O Barquinho - Dia de luz, festa de sol E o barquinho a deslizar No macio azul do mar Tudo é verão, o amor se faz No barquinho pelo mar Que desliza sem parar Sem intenção, nossa canção Vai saindo desse mar
  173. 173. O Cantador - Amanhece, preciso ir Meu caminho é sem volta e sem ninguém Eu vou pra onde a estrada levar Cantador só sei cantar Ah, eu canto a dor Canto a vida e a morte, canto o amor Cantador não esco
  174. 174. O Circo - Vai, vai, vai começar a brincadeira Tem charanga tocando a noite inteira Vem, vem, vem ver o circo de verdade Tem, tem, tem picadeiro de qualidade Corre, corre, minha gente que é preciso ser
  175. 175. O Divã - Relembro a casa com varanda Muitas flores na janela Minha mãe lá dentro dela Me dizia num sorriso Mas na lágrima um aviso Pra que eu tivesse cuidado Na partida pro futuro Eu ainda era puro Ma
  176. 176. O Dragão Mágico - (Refrão) Pof, O dragão mágico quando está feliz solta fogo pelos olhos e pelo nariz (bis) Pof, é um bom sujeito E para que se prove Basta se dizer que ele é amigo de São Jorge
  177. 177. O Grande Amor - Haja o que houver Há sempre um homem Para uma mulher E há de sempre haver Para esquecer um falso amor E uma vontade de morrer Seja como for Há de vencer O grande amor Que há de ser
  178. 178. O Morro (feio Não É Bonito) - Salve as belezas desse meu Brasil Com seu passado e tradição E salve o morro cheio de glória Com as escolas que falam no samba Da sua história Feio, não é bonito O morro existe Mas pede pra se
  179. 179. O Negócio É Amar - Tem gente que ama, que vive brigando E depois que briga acaba voltando Tem gente que canta porque está amando Quem não tem amor leva a vida esperando Uns amam pra frente, e nunca se esquec
  180. 180. O Profeta - O profeta! O que foi que aconteceu Tu não podes desprezar esse dom que Deus te deu O profeta! Onde é que tu estas Precisamos de você tua voz não pode se calar A vidente já falou, cartomantes e ad
  181. 181. O Que Será - O que será que me dá Que me bole por dentro, será que me dá Que brota à flor da pele, será que me dá E que me sobe às faces e me faz corar E que me salta os olhos a me atraiçoar E que me ap
  182. 182. O Que Será ( À Flor Da Pele) - O que será que me dá Que me bole por dentro, será que me dá Que brota à flor da pele, será que me dá E que me sobe às faces e me faz corar E que me salta os olhos a me atraiçoar E que me aperta o peit
  183. 183. O Que Será (a Flor Da Terra) - O que será, que será? Que andam suspirando pelas alcovas? Que andam sussurrando em versos e trovas? Que andam combinando no bréu das tocas? Que anda nas cabeças, anda nas bocas? Que andam acendendo ve
  184. 184. O Sol Nascerá - A sorrir Eu pretendo levar a vida Pois chorando Eu vi a mocidade perdida A sorrir Eu pretendo levar a vida Pois chorando Eu vi a mocidade perdida Finda a tempestade O sol nascerá
  185. 185. O Trem Atrasou - Patrão, o trem atrasou Por isso estou chegando agora Trago aqui um memorando da Central O trem atrasou, meia hora O senhor não tem razão Pra me mandar embora ! O senhor tem paciênci
  186. 186. Odara - Deixa eu dançar Pro meu corpo ficar odara Minha cara Minha cuca ficar odara Deixe eu cantar Que é pro mundo ficar odara Pra ficar tudo jóia rara Qualquer coi
  187. 187. Odeon - Ai, quem me dera O meu chorinho Tanto tempo abandonado E a melancolia que eu sentia Quando ouvia Ele fazer tanto chorar Ai, nem me lembro Há tanto, tanto Todo o encanto De um passad
  188. 188. Olê, Olá - Não chore ainda não Que eu tenho um violão E nós vamos cantar Felicidade aqui Pode passar e ouvir E se ela for de samba Há de querer ficar Seu padre toca o sino Que é pra todo mundo saber
  189. 189. Olha - Olha você tem todas as coisas que um dia eu sonhei pra mim a cabeça cheia de problemas não importa eu gosto mesmo assim Tem os olhos cheios de esperança de uma cor que mais ninguém possui Me t
  190. 190. Onde E Quando - A gente se olhou assim Falou de amor A gente se viu e foi feliz Não me lembro quando foi Seu sorriso mostrava calor Seus olhos falavam de amor pra mim Não me lembro onde foi Muita cois
  191. 191. Opinião - Podem me prender, podem me bater Podem até deixar-me sem comer Que eu não mudo de opinião. Daqui do morro eu não saio não, daqui do morro eu não saio não. Se não tem àgua, eu furo um poço
  192. 192. Opinião - Podem me prender, podem me bater Podem até deixar-me sem comer Que eu não mudo de opinião. Daqui do morro eu não saio não, daqui do morro eu não saio não. Se não tem àgua, eu furo um poço
  193. 193. Opinião - Podem me prender, podem me bater Podem até deixar-me sem comer Que eu não mudo de opinião. Daqui do morro eu não saio não, daqui do morro eu não saio não. Se não tem àgua, eu furo um poço
  194. 194. Outra Vez - Outra vez sem você Outra vez sem amor Outra vez vou sofrer Vou chorar Até você voltar Outra vez vou vagar Por aí pra esquecer Outra vez vou falar mal do mundo Até você voltar Tod
  195. 195. Outra Vez - Outra vez sem você Outra vez sem amor Outra vez vou sofrer Vou chorar Até você voltar Outra vez vou vagar Por aí pra esquecer Outra vez vou falar mal do mundo Até você voltar Tod
  196. 196. Passa, Passa, Gavião - Passa, passa, gavião Todo mundo é bom Passa, passa, gavião Todo mundo é bom Passa o tempo na janela Vejo tudo que se passa Passa o dia, passa a hora Passa a pressa de ir embora Pas
  197. 197. Pé De Sonhos - No quintal por trás de casa Tem um pé de sonho Que não para de florar Florar a noite inteira Cada sonho seu Me faz sorrir e até cantar Rua do Ouro, uma rua Senhora nada adorada Não
  198. 198. Pecadora - Divina claridad la de tus ojos Amdiáfanas como gotas de cristal Dmuvas qué se humedecen con sollozos Esangre y sonrisas juntas al mirar. Por que te hizo el destino pecadora Asi no sabes v
  199. 199. Pede Passagem - Chegou a hora da escola de samba sair Deixa morrendo no asfalto uma dor Que não quis Quem não soube o que é ter alegria na vida Tem toda a avenida Pra ser muito feliz Vai arrastar a fe
  200. 200. Pedro Pedreiro - Pedro pedreiro penseiro esperando o trem Manhã parece, carece de esperar também Para o bem de quem tem bem De quem não tem vintém Pedro pedreiro fica assim pensando Assim pensando, tudo
  201. 201. Penas Do Tié - Vocês já viram lá na mata a cantoria Da passarada quando vai anoitecer E já ouviram o canto triste da araponga Anunciando que na terra vai chover Já experimentaram guabiroba bem madura J
  202. 202. Pisa Na Fulô - Pisa na fulô, pisa na fulô Pisa na fulô, não maltrata meu amô Um dia desse fui dançá lá em Pedreira Na rua da Golada e gostei da brincadeira Zé Caxangá era o tocador Mas só tocava pisa n
  203. 203. Pleno Verão - Solidão, nessas noites tão quentes Tempestade dentro do coração Um calor, pelo corpo inteiro Um fogo na alma em pleno verão Só eu só, sob o Sol, sobre a Terra Celebrando minhas mágoas de
  204. 204. Poema Da Rosa - Há uma rosa linda No meio do meu jardim Dessa rosa cuida eu Quem cuidará de mim? De manhã desabrochou À tarde foi escolhida Pra de noite ser levada De presente a minha amiga Feliz de quem pos
  205. 205. Pois É - Pois é Fica o dito e redito por não dito E é difícil dizer que foi bonito É inútil cantar o que perdi Taí Nosso mais-que-perfeito está desfeito E o que me parecia tão direito Caiu de
  206. 206. Por Causa De Você - Ah, você tá vendo só Do jeito que eu fiquei E que tudo ficou Uma tristeza tão grande Nas coisas mais simples Que você tocou A nossa casa, querido Já estava acostumada Aguardando você As flor
  207. 207. Por Causa de Você - Ah, você tá vendo só Do jeito que eu fiquei E que tudo ficou Uma tristeza tão grande Nas coisas mais simples Que você tocou A nossa casa, querido Já estava acostumada Aguardando você As flor
  208. 208. Por Toda Minha Vida - Minha bem amada Quero fazer de um juramento Uma canção Eu prometo Por toda a minha vida Ser somente teu E amar-te como nunca Ninguém jamais amou Ninguém Minha bem amada Estrela
  209. 209. Por Um Triz - Digamos que é querer demais que o laço que me prende a ti resista a um temporal maior não, meu bem, já e demais O teu destempero me seduz me reluz, me reduz ao que sou e assim já demai
  210. 210. Pra Mó De Chatear - As criancinhas a gente prende no banheiro Não deixe no terreiro Que é pra não incomodar. A gente grande gosta de ficar sozinha Lá vem as criancinhas, que é pra mode chatear. Zulmira, Zulmir
  211. 211. Pranto De Poeta - Em Mangueira quando morre um poeta todos choram Vivo Tranquilo em Mangueira por que sei que alguém há de chorar quando eu morrer Mas o pranto em Mangueira é tão diferente é um pranto se
  212. 212. Primavera - O meu amor sozinho É assim como um jardim sem flor Só queria poder ir dizer a ele Como é triste se sentir saudade É que eu gosto tanto dele Que é capaz dele gostar de mim Acontece que
  213. 213. Primavera - O meu amor sozinho É assim como um jardim sem flor Só queria poder ir dizer a ele Como é triste se sentir saudade É que eu gosto tanto dele Que é capaz dele gostar de mim Acontece que
  214. 214. Promessas De Você - Quando a gente vai vivendo sem vontade Esquecendo sem saudade Vai morrendo sem saber Sozinha sem amor Quando a gente vai seguindo sem caminho Sem ninguém pra ter carinho Que promessas pode ter? Soz
  215. 215. Proposta - Eu te proponho, Nós nos amarmos, Nós entregarmos, Neste momento tudo lá fora deixar ficar. Eu te proponho Te dar meu corpo Depois do amor o meu conforto E além de tudo depois de tudo Te dar a
  216. 216. Quando A Saudade Apertar - Quando a saudade apertar, e o remorso em teu peito cruel, se abrigar, tu sentirás, então,a mesma dor, que eu senti,quando vi, morrer, nosso amor, Na solidão desse teto, onde um grande afeto, chora
  217. 217. Quando o Carnaval Chegar - Quem me vê sempre parado, distante garante que eu não sei sambar Tô me guardando pra quando o carnaval chegar Eu tô só vendo, sabendo, sentindo, escutando e não posso falar Tô me guardando pra qua
  218. 218. Quatro Crioulos - São 4 crioulos inteligentes Rapazes muito decentes Fazendo inveja a muita gente Muito bem empregados numa secretaria Educados e diplomados em filosofia E quando chega fevereiro Ver os crioulos no terr
  219. 219. Quem É - Quem é que muda os botõezinhos da camisa quem é que diz um adeusinho no portão e de manhã não faz barulho quando pisa e quando pedes qualquer coisa não diz não. Quem é que sempre dá um laç
  220. 220. Quem Te Viu, Quem Te Vê - Você era a mais bonita das cabrochas dessa ala Você era a favorita onde eu era mestre-sala Hoje a gente nem se fala mas a festa continua Suas noites são de gala, nosso samba ainda é na rua
  221. 221. Quero Que Vá Tudo Pro Inferno - De que vale o céu azul e o sol sempre a brilhar Se você não vem e eu estou a lhe esperar Só tenho você no meu pensamento E a sua ausência é todo o meu tormento Quero que você me aqueça nesse
  222. 222. Questão De Tempo - Há de navegar, Há de navegar, Há de navegar, Pelas ondas desse mar. Alguém há de ouvir, A história disso aqui, Há tanta esperança, Manda uma lembrança, Dessa terra nua, Dessa gen
  223. 223. Rapaz De Bem - Você bem sabe Eu sou um rapaz de bem E a minha onda é do vai e vem Pois co'as pessoas que eu bem tratar Eu qualquer dia posso me arrumar Vê se mora No meu preparo intelectual É no tr
  224. 224. Rapaz De Bem - Você bem sabe Eu sou um rapaz de bem E a minha onda é do vai e vem Pois co'as pessoas que eu bem tratar Eu qualquer dia posso me arrumar Vê se mora No meu preparo intelectual É no tr
  225. 225. Recado - Leva o recado a quem me deu tanto desabor dia que eu vivo bem melhor assim e que no passado fui um sofredor e agora já não sou o que passou, passou (2x) Vá dizer à minha ex amada
  226. 226. Requiem Por Um Amor - Quando eu vi teus olhos se fechar teu olhar aos poucos se perder Devagar morrias era inútil o meu imenso espanto e a tua cor ganhou o tom mais triste do nosso eterno ade
  227. 227. Retrato Em Branco E Preto - Já conheço os passos dessa estrada Sei que não vai dar em nada Seus segredos sei de cor Já conheço as pedras do caminho E sei também que ali sozinho Eu vou ficar tanto pior O que é q
  228. 228. Romance Popular - Doido de zabumba Torto de macumba Gira de cigano e vai Vai que toca foga na cadeia E solta o passarinho pra cantar No peito da bumba a lua cheia No coração da bomba o que será Será c
  229. 229. Sabe Você - Você é muito mais que eu sou Está bem mais rico do que eu estou Mas o que eu sei você não sabe E antes que o seu poder acabe Eu vou mostrar como e por que Eu sei, eu sei mais que você Sa
  230. 230. Sabiá - Vou voltar sei que ainda Vou voltar Para o meu lugar Foi lá é ainda lá Que eu hei de ouvir cantar Uma sabiá Vou voltar Sei que ainda vou voltar Vou deitar à sombra de uma palmeira
  231. 231. Sabor a Mi - Tanto tiempo disfrutamos deste amor Nuestras almas se acercaron tanto así Que yo guardo tu sabor Pero tu llevas tambien Sabor a mi. Si negaras mi presencia en tu vivir Bastaria con abr
  232. 232. Samba De Uma Nota Só - Eis aqui este sambinha Feito numa nota só Outras notas vão entrar Mas a base é uma só Esta outra é consequência Do que acabo de dizer Como eu sou a consequência Inevitável de você
  233. 233. Samba Do Avião - Minha alma canta Vejo o Rio de Janeiro Estou morrendo de saudade Rio, seu mar Praia sem fim Rio, você foi feito prá mim Cristo Redentor Braços abertos sobre a Guanabara Este samba é s
  234. 234. Sarará Miolo - sara, sara, sara, sarará Sara, sara, sara, sarará Sarará miolo Sara, sara, sara cura Dessa doença de branco Sara, sara, sara cura Dessa doença de branco De q
  235. 235. Se Você Pensa - Se você pensa que vai fazer de mim O que faz com todo mundo que te ama Acho bom saber que pra ficar comigo Vai ter que mudar Daqui pra frente Tudo vai ser diferente Você tem que aprender
  236. 236. Seja O Meu Céu - Seja o meu céu, seja o seu céu (2x) O céu azul do meu destino O céu de Ícaro e de Galileu O céu de coro nordestino Onde eu e Buñuel Procuro o fogo de Prometeu No caminho de Santiago
  237. 237. Só Você (night And Day) - Só você me faz feliz Sem você sou dia sem luz Noite sem fim Quando ouço a tua voz Sinto calor das noites do nosso amor Só você Sem você tudo é igual? Não há noite ou dia, sol nem luar Quando toca a s
  238. 238. Soneto De Separação - De repente do riso fez-se o pranto Silencioso e branco como a bruma E das bocas unidas fez-se a espuma E das mãos espalmadas fez-se o espanto De repente da calma fez-se o vento Que dos olhos des
  239. 239. Sublime Pergaminho - Quando o navio negreiro Transportava negros africanos Para o rincão brasileiro Iludidos Com quinquilharias Os negros não sabiam Que era apenas sedução Pra serem armazenados E vendi
  240. 240. Suíte Dos Pescadores - Minha jangada vai sair pro mar, Vou trabalhar, meu bem querer, Se Deus quiser quando eu voltar, Do mar, um peixe bom, eu vou trazer... Meus companheirs também vão voltar, E a Deus d
  241. 241. Ta-hi - Ta-Hi, eu fiz tudo pra você gostar de mim Oh meu bem não faz assim comigo não Você tem, você tem é que me dar seu coração Essa história de gostar de alguém Já é mania que as pessoas tem
  242. 242. Ta-Hi ( Pra Você Gostar De Mim ) - Tahí Eu fiz tudo pra você gostar de mim Ó, meu bem Não faz assim comigo, não Você tem Você tem Que me dar seu coração Meu amor, não posso esquecer... Se dá alegria, faz também sofrer A minha
  243. 243. Tambores Da Paz - Sinos catedrais Trilhas de ouro Carretéis de sonhos Desenrolando os meus tesouros Trilhas de cristais Tantos mundos Histórias e lendas Da Estrada Real Congados, reisados... Tambores da paz..
  244. 244. Telefone - Tuen Tuen Ocupado pela décima vez Tuen Telefono e não consigo falar Tuen Tuen To ouvindo há muito mais de um mês Tuen Já começa quando eu penso em discar Eu já estou descon
  245. 245. Telefone - Tuen Tuen Ocupado pela décima vez Tuen Telefono e não consigo falar Tuen Tuen To ouvindo há muito mais de um mês Tuen Já começa quando eu penso em discar Eu já estou descon
  246. 246. Todo Mundo Vai Ao Circo - Todo mundo vai ao circo,menos eu, menos eu Como pagar ingresso, se eu não tenho nada, Fico de fora escutando a gargalhada. A minha vida é um circo,Sou acrobata na raça. Só não posso é ser palha
  247. 247. Traduzir-se - Uma parte de mim é todo mundo Outra parte é ninguém Fundo sem fundo Uma parte de mim é multidão Outra parte estranheza e solidão Uma parte de mim, pesa Pondera Outra parte, delira U
  248. 248. Tristeza de Nós Dois - Quando a noite vem Vem a saudade De um carinho seu Olha meu amor Chego a pensar Que o nosso amor Não morreu Quando a tristeza Vem falar Das coisas de você Ouço a sua voz no ar
  249. 249. Trocando em Miúdos - Eu vou lhe deixar a medida do bom fim, não me valeu Mas fico com o disco do pixinguinha sim, o resto é Seu Trocando em miúdos pode guardar As sobras de tudo que chamam lar As sombras de tudo que
  250. 250. Um Chorinho - Ai, ó meu amor, a sua dor a nossa vida Já não cabem na batida do meu pobre cavaquinho Ai, quem me dera, pelo menos um momento Juntar todo sofrimento pra botar nesse chorinho Ai,
  251. 251. Vence Na Vida Quem Diz Sim - Vence na vida quem diz sim Vence na vida quem diz sim Se te dói o corpo, diz que sim Torcem mais um pouco, diz que sim Se te dão um soco, diz que sim Se te deixam louco, diz que sim Se te
  252. 252. Vento De Maio - Oi! você que vem de longe Caminhando a tanto tempo Que vem de vida cançada Carregada pelo vento Oi! você que vem chegando Vá entrando e tome assento Oi! você que vem chegando Vá entr
  253. 253. Vestígios - Eu carrego mais no tom Que é pra deixar vestígios em você, Do meu batom E me encho de perfume, ao te abraçar Que é pra você ficar, com cheiro de mim, ah Com cheiro de mim Te amando eu te arranh
  254. 254. Você - Você, manhã de tudo meu Você, que cedo entardeceu Você, de quem a vida eu sou E sei, mas eu serei Você, um beijo bom de sal Você, de cada tarde vã Virá sorrindo de manhã Você, um ris
  255. 255. Você E Eu - Podem me chamar e me pedir e me rogar E podem mesmo falar mal, ficar de mal que não faz mal Podem preparar milhões de festas ao luar Que Eu não vou ir, melhor nem pedir, que eu não vou ir, não
  256. 256. Você E Eu - Podem me chamar e me pedir e me rogar E podem mesmo falar mal, ficar de mal que não faz mal Podem preparar milhões de festas ao luar Que Eu não vou ir, melhor nem pedir, que eu não vou ir, não
  257. 257. Vou Por Aí - Vou por aí Esquecendo que você passou Me lembrando coisas que perdi Sem saber sequer aonde estou Por isso eu ando, paro Sem saber sequer aonde vou Vou por aí Um caminho que não é o meu Encont
  258. 258. Wave - Vou te contar, os olhos já não podem ver Coisas que só o coração pode entender Fundamental é mesmo o amor É impossível ser feliz sozinho O resto é mar, é tudo que eu nem sei contar São c
  259. 259. Wave - Vou te contar, os olhos já não podem ver Coisas que só o coração pode entender Fundamental é mesmo o amor É impossível ser feliz sozinho O resto é mar, é tudo que eu nem sei contar São c
x

Conte para seus amigos as músicas que você curte

FECHAR

Playlist atualizada com sucesso!

Os programas existentes nesta playlist não podem ser salvos.

Apagar Todas
Comunicar erro

Sua senha é secreta. Nenhum funcionário do UOL está autorizado a solicitá-la.

© 1996-2014 UOL - O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados. Hospedagem: UOL Host